× Fale Conosco

Solicite um orçamento sem compromisso!

Enviar via
Ou ligue para (41) 3246-6129
Se preferir, ligue para nós! Ligar agora!
Clique aqui para falar conosco!
×
× Envie-nos um E-mail






Rede de Abastecimento

Abastecimento de água em Curitiba

A Forte Azul Engenharia é especialista em obras de Infraestrutura Urbana e Rodoviária, contando com equipes especializadas que oferecem, além de ótimos materiais, um excelente atendimento para diversos serviços, entre eles o Abastecimento de Água em Curitiba. Entre em contato conosco! 

O que é o abastecimento de água?

A superfície terrestre conta com uma cobertura de, aproximadamente, 70% de água. Mas somente uma pequena parte, cerca de 3%, é feita de água doce, quase sempre concentrada em geleiras.

Assim sendo, apenas uma porcentagem muito pequena de água superficial está disponível para as nossas atividades diárias, sendo que a água que encontramos na natureza, por exemplo, não é indicada para consumo.

Até mesmo a água que cai da chuva contém impurezas e, ao tocar o solo, acaba absorvendo impurezas que prejudicam demais a sua qualidade. Dessa maneira, para ser considerada água própria para consumo, ela deve obedecer requisitos de potabilidade.

Ou seja, se a água possuir alguma substância que venha a alterar o seu padrão, ela será classificada, sem rodeios, como poluída. Os componentes que são caracterizados como emissores de poluição orgânica são os cloretos, compostos nitrogenados e o oxigênio consumido.

Se não existe o sistema de abastecimento de água em um determinado local, ela pode ser obtida diretamente de um poço artesiano.

Dessa maneira, o sistema de abastecimento de água pode ser definido como um conjunto de obras, equipamentos e serviços destinados a levar água potável para o uso tanto no consumo doméstico, quanto na indústria e serviço público, entre outros locais.

Existem alguns aspectos, com objetivos bem específicos, responsáveis por definir a utilidade do sistema de abastecimento. São eles:

Aspectos sanitários e sociais

  • Aumento da expectativa de vida da população;
  • Controle e prevenção de doenças;
  • Implementação de hábitos higiênicos na população;
  • Facilitação de limpeza pública;
  • Facilitação de práticas desportivas.
  • Conforto, bem-estar e segurança.

Aspectos econômicos

  • Redução da mortalidade, e consequente aumento da vida média;
  • Aumento da vida produtiva do indivíduo;
  • Instalação de indústrias;
  • Proteção de mananciais;
  • Facilidade na supervisão do sistema;
  • Controle da qualidade da água;
  • Facilidade na economia de escala.

Como é feito o sistema de abastecimento de água?

O sistema de distribuição de água precisa de um estudo profundo da localidade na qual será aplicado, e de mão de obra especializada para fazer com precisão todos os ajustes necessários.

O estudo da localidade aborda não apenas a construção, mas diversos fatores: a população que será atendida no local, a taxa de crescimento da cidade e as necessidades industriais da região. Com base nessas informações, é que será projetado o melhor sistema para a localidade.

Uma das etapas fundamentais no processo de planejamento do sistema de abastecimento de água é a escolha do manancial. Para que ocorra sucesso nessa etapa, é necessário avaliar alguns critérios específicos.

Da localização, passando pela topografia, vazão e presença dos focos de contaminação, tudo é importante para que, após a escolha do manancial, seja definida a maneira como será realizada a captação de água.

A captação é feita de duas maneiras: a superficial e a subterrânea. A captação superficial é realizada em rios, lagos ou represas, através de procedimentos como o bombeamento ou a gravidade, levando a água retirada pela adutora até a estação de tratamento.

Já a captação subterrânea se dá através da obtenção de água dos lençóis subterrâneos, com o uso de poços artesianos. As perfurações realizadas atingem cerca de 50 a 100 metros de profundidade, e motobombas são responsáveis por conduzir a água até a estação de tratamento. 

Funcionamento

Antes de ser disponibilizada para consumo, a água passa por um tratamento, que consiste em nove fases específicas. São elas:

  • Oxidação;
  • Coagulação;
  • Floculação;
  • Decantação;
  • Flotação com ar dissolvido;
  • Filtração;
  • Desinfecção;
  • Correção de Ph;
  • Fluoretação.

Após o período de tratamento, a água é direcionada para os reservatórios que, dependendo do solo da região, podem ser elevados, apoiados ou subterrâneos. Eles possuem, como principal função, a regularidade no abastecimento e o atendimento às demandas emergenciais.

Porém, para que a água chegue ao consumidor com a qualidade desejada, é preciso uma rede de distribuição eficiente. Deve-se oferecer uma pressão ideal, que se mantenha satisfatória durante todo o trajeto da água.

A instalação de bombas para o trajeto da água também é um procedimento necessário sendo que, dependendo da altura do local, a instalação de uma estação elevatória para receber bombas de maior potência seja o mais indicado.

Outro ponto importante são as instalações de válvulas. Elas reduzem a pressão em excesso, facilitando com que a água chegue intacta até os ramais domiciliares, unindo-se com as ligações internas da casa.

Unidades do sistema de abastecimento

Para você que busca conhecer o sistema de Abastecimento de Água em Curitiba, é importante saber que ele possui diversas unidades, todas úteis para o seu bom funcionamento. São elas:

  • Adução;
  • Captação;
  • Manancial;
  • Ramal Domiciliar;
  • Rede de distribuição;
  • Reservatório;
  • Tratamento.

Conhecida também como tubulação, a adução liga a captação de água ao tratamento, ou faz a ligação do tratamento com a rede de distribuição. Funciona através de duas etapas: por gravidade ou por recalque.

Já a captação é responsável pelos equipamentos e instalações que retiram a água do manancial, jogando-a no sistema de abastecimento.

O manancial se caracteriza pela fonte de onde a água é retirada para fazer o abastecimento da região na qual ele se encontra.

O ramal domiciliar é o nome que se dá à ligação que é feita da rua para a residência.

Responsável pelo transporte, a rede de distribuição é a unidade responsável por levar a água do reservatório diretamente para os consumidores.

Com a finalidade de armazenamento da água, o reservatório é destinado ao atendimento das demandas de emergência, por manter a pressão constante da rede, atendendo às variações de consumo. Ela acontece de acordo com os hábitos da comunidade, e até mesmo com o clima e qualidade da água.

Já em relação ao tratamento completo da estação de água, ele vai depender da qualidade da água captada, e é preciso que os sistemas existentes possuam cloro e flúor para o sucesso do procedimento.

Sobre a Forte Azul

Fundada em 2015, a Forte Azul Engenharia é uma empresa de Engenharia em Curitiba com grande experiência e reconhecimento no setor de obras de Infraestrutura Urbana e Rodoviária no estado do Paraná.

Temos uma equipe especializada para atender, com toda a excelência e qualidade, as mais diferentes demandas nessa área, como:

Pavimentação;

Drenagem;

Rede de Esgoto;

Loteamentos;

Rodovias;

Rede Elétrica;

Energias Renováveis;

Construções;

Incorporações e Permutas;

Edifícios;

Projetos.

Portanto, se você precisa de segurança e confiança para a execução de seus projetos, como Abastecimento de Água em Curitiba, entre em contato conosco!