× Fale Conosco

Solicite um orçamento sem compromisso!

Enviar via
Ou ligue para (41) 3246-6129
Se preferir, ligue para nós! Ligar agora!
Clique aqui para falar conosco!
×
× Envie-nos um E-mail






O que é uma Curva Horizontal Simples?

Um conjunto de curva horizontal são elementos presentes em todos os projetos rodoviário, responsáveis por dar continuidade ao traçado das estradas quando este se obriga a desviar de vegetação, obras existentes, rios ou outros obstáculos instransponíveis. 

Uma curva horizontal é chamada “simples” quando o raio utilizado para conectar um trecho retilíneo ao outro é constante.

A curva horizontal simples é composta pelos seguintes elementos:

PC = Ponto de curvatura:

É o ponto em que trecho retilíneo da estrada termina e dá-se início ao trecho curvo. O ponto de curvatura é calculado pela expressão:

PC=PI-T

 

Onde:
PC (m)
PI (m)
T (m)

R = Raio da curva circular:

Definido de acordo com as características técnicas da estrada e da topografia da região.

T = tangente externa:

São segmentos de reta que ligam o PC ao PI e o PI ao PT. A tangente é calculada pela expressão:

T=R∙tgAC2

 

Onde:
T (m)
R (m)
AC (graus)

PI = Ponto de interseção das tangentes.

PT = Ponto de tangência:

Ponto final da curva, em que o trecho volta a ser retilíneo. O ponto de tangência é calculado pela expressão:

PT=PC+D Onde:
PT (m)
PC (m)
D (m)

D = Desenvolvimento da curva:

É o comprimento do arco medido a partir do PC ao PT. O desenvolvimento da curva é calculado pela expressão:

D=R.AC.π180° Onde:

D (m)

AC (graus)

R (m)

π 3,1416

Δ = ângulo de deflexão:

Desvio no sentido horário entre as duas tangentes externas e numericamente igual ao ângulo central (AC).

AC = Ângulo central da curva:

Ângulo formado entre os pontos PC e PT da curva.

E = Afastamento da curva:

É a menor distância entre o PI e a curva. O afastamento da curva é calculado pela expressão:

E=R∙1COSAC2-1=T∙tgAC4

 

Onde:

E (m)

R (m)

AC (rad)

T (m)

C = corda:

Segmento de reta que liga duas estacas pertencentes à curva. É definido conforme tabela abaixo:

Raio (m) Corda máxima (m)
R<150 5
150≤R<300 10
R≥300 20

 

Gc = grau da curva:

Ângulo central que compreende uma corda de um dado comprimento. O grau da curva é calculado pela expressão:

 

Gc=2∙arcsenc2R

 

Onde:

Gc (rad)

 c (m)

R (m)

d = deflexão sobre as tangentes:

Ângulo formado entre a linha que liga PC a um ponto e a tangente que passa por PC. É calculado pela expressão:

d=Gc2

 

Onde

d (rad)

Gc (rad)

 

O = centro da curva.