× Fale Conosco

Solicite um orçamento sem compromisso!

Enviar via
Ou ligue para (41) 3246-6129
Se preferir, ligue para nós! Ligar agora!
Clique aqui para falar conosco!
×
× Envie-nos um E-mail






Drenagem

Drenagem : o que você precisa saber

Chuvas podem gerar danos significativos em ruas, estradas e terrenos, principalmente quando resultam em enchentes e deslizamentos de terra. Por essa razão, é necessário realizar a drenagem da água, evitando consequências ainda mais graves.

O que é drenagem?

Responsável pelo escoamento de água para evitar seu acúmulo, a drenagem é a forma pela qual é realizada a secagem do solo. Desse modo, por meio de drenos, o líquido é absorvido, evitando enchentes, alagamentos e degradação da superfície.

Quais são os tipos de drenagem?

Existem diversos tipos de drenagem que diferenciam-se pela sua função, estrutura e funcionamento, como por exemplo:

  • Superficial: caracterizada pela captação de líquidos em vias, calçadas e ruas, transporta quantidade moderadas de água por meio de estruturas de ferro ou concreto, por exemplo;
  • Profunda: ao contrário da drenagem superficial, capta o líquido presente no interior do solo, evitando a deterioração de estruturas como estradas;
  • Pluvial: assim como a superficial e a profunda, capta líquidos. Entretanto, objetiva a retirada do excesso de águas da chuva, secando terrenos para que não haja o comprometimento do solo.

Além disso, há estruturas chamadas de redes de drenagem, caracterizadas pela conexão de canais de escoamento, sendo:

  • Artificiais: compõem casas e ruas, drenando a água por meio de estruturas como calhas e encanamentos (em residências) ou bueiros e canaletas;
  • Naturais: são resultado de padrões e desgaste natural, gerando canais de escoamento por meio de rio e lagos, por exemplo.

Essas redes utilizam canais diferenciados para escoamento da água, como:

  • Bueiro: responsáveis pela passagem de água em estradas e ruas, podem ser classificados em relação à seção, número de linhas, materiais e esconsidade (ângulos de sua estrutura), possuindo como tampa de proteção a boca de lobo;
  • Calhas: instaladas principalmente em casas, esse tipo de estrutura protege telhados e paredes por meio de chapas metálicas e tubos;
  • Canaleta: caracterizados pela sua capacidade de escoamento em áreas abertas, transportam diferentes volumes de água;
  • Canos: transportam somente líquidos, possuindo material resistente para suportar a vazão;
  • Manilha: são tubos de diâmetro grande que transportam água ou esgoto;

Muitas outras estruturas podem ser utilizadas na drenagem, como caixas de passagem (localizadas entre canos que recebem líquidos e dejetos, os direcionam para o sistema externo de esgoto e possibilitam também a inspeção de tubulações quando há entupimentos), e meio-fios, que atuam como gerenciadores simples de água.

Como funciona a drenagem?

Para que a rede de drenagem funcione adequadamente em cidades, é necessário planejamento com profissionais especializados, além de material de qualidade e altamente resistente. Além do mais, o gerenciamento e a manutenção de sistemas de escoamento e pavimentação asfáltica (com paver, por exemplo) facilitam que não haja o acúmulo de água.

Por esse motivo, são considerados vários fatores para a escolha de tipos e materiais de drenagem, como os aspectos sociais (quanto mais pessoas, mais difícil é realizar o escoamento), legais (a restrição do orçamento implica no uso de materiais com maior custo-benefício, por exemplo), tecnológicos (há diversos tipos de técnicas que podem ser utilizados) e ambientais (é preciso avaliar de que forma a drenagem impactará a natureza).

Conclusão

Escoar líquidos como água da chuva exige uma estrutura completa, desde a escolha dos materiais até de formatos e técnicas adequadas. Por isso, contratar empresas de engenharia competentes e qualificadas como a Forte Azul é uma das formas de garantir que o projeto de drenagem será realizado com sucesso.

Summary
Drenagem : o que você precisa saber
Article Name
Drenagem : o que você precisa saber
Description
A drenagem é a forma pela qual é realizada a secagem do solo.
Author
Publisher Name
Forte Azul